monitoramento

Influenciadores: Broadcaster, Conector ou Legitimador?

By | Redes Sociais, Social Media | No Comments

Head_Influenciadores

O conceito Formadores de Opinião não é novo e com o poder das mídias sociais, estas pessoas ganharam o status de influenciadores. O uso deles em ações de comunicação tem sido um recurso cada vez mais utilizado pelas marcas para conversar com seu(s) público(s)-alvo. O plural entra aqui, pois uma marca pode conversar com diversos nichos ao mesmo tempo, havendo sempre a necessidade de adequar a forma, linguagem e meio para cada um deles.

O monitoramento de redes sociais é um forte aliado no processo de identificação desses influenciadores e já tratamos do assunto aqui no blog, nesses dois posts:

Porém, após identificar esses influenciadores, como saber qual tipo de influenciador ele é? Qual o retorno você terá? Qual o tipo de público ele irá conversar? Pensando nessas questões, o Gabriel Ishida (Coordenador de Social Listenig na Pernord Ricard, autor do Blog Midializado e Co-criador do Atlas Media Lab), desenvolveu uma metodologia onde nos apresenta quais são os tipos de influenciadores, formas de contratação, métricas e mais. Iremos abordar abaixo alguns desses pontos.

Ishida ressalta que não existe uma fórmula ou metodologia pronta para se aplicar a todos os casos, mas há formas de se encontrar a melhor metodologia para cada caso.

Quando falamos sobre estabelecer valores ou parâmetros para analisar influenciadores, duas questões se somam as já tradicionais (alcance, fãs e engajamento) que são: Qual o valor que determinado perfil tem e o que devemos considerar para determinar esse valor?

As duas questões enfrentam barreiras quando são colocadas em cenários onde grandes marcas possam fazer um grande investimento. Uma delas é a falta de entendimento sobre os preços que são praticados por esses influenciadores, uma vez que as empresas possuem a necessidade de ter retorno sobre seus investimentos.

Dois caminhos são apontados para achar essa resposta: Advertasing Value Equivalency (AVE) e lógica de precificação de mídia, mas aplicada as redes sociais. Para essas opções a mensuração seria equivalente ao que ocorre hoje com o meio impresso + o áudio visual e/ou valor pago vs. as entregas que foram contratadas dos influenciadores. Ainda assim é necessário avaliar cada caso e considerar alguns fatores para a mensuração.

No artigo, Ishida aponta fatores como: Interações e capacidade de engajamento, menções espontâneas de outros perfis, perfil de interesse dos seguidores, potência de disseminação e evidência em veículos. Todos eles podem ser utilizados (em conjunto ou isoladamente) para determinar a mensuração dos resultados. Tais fatores irão ajudar na identificação de qual tipo de influenciador ele se encaixa.

Tipos de Influenciadores

Ao definir um influenciador, é necessário saber se o ele é referência no assunto, é antenado em tendências, se movimenta conversas nas redes sociais, se possuí muitos contatos e se ele é capaz de traduzir as tendências para o público geral (e podem ser chamados “Trendsetters”). Eles são responsáveis por ditar as tendências e traduzi-las para a grande massa, utilizando a linguagem apropriada para cada público. Tendo isso em vista, Ishida nos apresenta três tipos de influenciadores.

  • Broadcasters
    São os perfis com uma grande quantidade de seguidores, atingem muitos seguidores simultaneamente, replicam em outras redes e não precisam ser necessariamente celebridades.
  • Conectores
    São perfis que possuem conexão com outros perfis influenciadores (na sua maioria broadcasters). Ele é uma referência para sua rede de contatos influentes que por vez irão reverberar a mensagem que foi feita por ele. Ele pode ser um conector e um broadcaster ao mesmo tempo.
  • Legitimadores
    São perfis que representam uma cultura/tribo ou são experts na área que atuam e são os primeiros nomes a serem lembrados quando os usuários buscam uma referência dentro de um tema.

Influenciadores_TipoS

No artigo que fará parte de um livro e será publicado em breve, Gabriel Ishida abordará o tema com maior profundidade e também apresentará uma metodologia, onde propõe um índice que considere diversos fatores para a comparação entre perfis, afim de contribuir para uma melhor tomada de decisão no uso de um influenciador.

Pesquisa sobre Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas

By | Social Media | No Comments

[O texto abaixo é uma colaboração da estudante de doutorado Juana Lucini, que nos conta sobre sua pesquisa em torno dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas. Parte da coleta de dados da tese é realizada no BrandCare, com apoio da Social Figures.]

O objetivo da minha pesquisa é analisar o processo decisório referente aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS, ou SDG em inglês) e como a participação de diferentes atores online contribuiu para o resultado final acordado entre os 193 países que fazem parte da Assembleia Geral das Nações Unidas. Desde a Rio+20 até Julho último, diferentes atores estiveram envolvidos no processo de criação do documento, com contribuições de vários seguimentos da sociedade civil, do setor privado e de governos. O documento final do Grupo Aberto (Open Working Group) será finalmente aprovado ou retificado pelos países na Assembleia Geral da ONU a ser realizada em 25-27 Setembro de 2015.

A minha pesquisa está fazendo uma análise de mídia social sobre as discussões e os atores. Isso é possível porque o tópico dos tem sido muito debatido no Twitter. De Março a fins de Julho, há mais de 130 mil menções da hashtag #SDG. Para fazer um primeiro filtro e análise dessas hashtags, eu usei a ferramenta do BrandCare de escolher uma amostra dentro do meu banco de dados. A amostra pode ser escolhida de diferentes maneiras, eu escolhi com uma margem de erro de 4%. Essa ferramenta também me permitiu comprovar que a maioria do uso da hashtag era de fato com menção aos SDGs.

Eu tive uma amostra de 520 tweets, dos quais 480 eram usuários únicos e 45,9% mulheres. Dentro da amostra, 333 eram retweets de usuários que já haviam feito um tópico usando a hashtag #SDG. A amostra era espalhada no tempo do meu universo de análise, como mostra o gráfico abaixo:

Hashtag #SDG

Desses, 31 tweets eram de pessoas as quais eu classifiquei como “os mais influentes (top influencers)” no meu banco de dados. Os mais influentes são os usuários do Twitter que compartilharam conteúdo com a hashtag #SDG que tem mais de 10 mil seguidores. Eu criei então uma outra categoria, que classifica os usuários com mais de mil seguidores como influenciadores medianos. Nesta categoria, haviam 163 tweets da amostra de 520.

Eu também classifiquei os tweets dentro da amostra em positivos e negativos. Felizmente para o processo decisório dos SDGs, a maioria se manifestou favorável (98%). Dos influenciadores principais, esse é o ranking com o klout score de cada um:

key influencers

É interessante destacar também que eu encontrei dois spam na amostra, tweeds que não se referiam especificamente aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e outros tweeds que se referiam aos SDGs mas que estavam em idiomas que eu não compreendi, como alemão e japonês. Eles ainda são parte importante da amostra e no período da análise de dados trabalharei com a tradução deles.

[Juana Lucini é estudante de doutorado no Sustainability Research Centre, University of the Sunshine Coast, Australia. Juana possui um mestrado em Ciência Política pelaUniversidade de Brasília e  Masters em International Cooperation and Development from the University of Cantabria, Spain.]

Monitoramento é um grande aliado da Produção de Conteúdo, aponta pesquisa

By | Redes Sociais, Social Media | No Comments

monitoramento, planejamento e conteudoDe acordo com pesquisa lançada no Content Summit, monitoramento de mídias sociais é um dos grandes aliados dos produtores de conteúdo. A partir das respostas de 303 participantes, o estudo traz informações sobre faixas salariais, desafios da área, plataformas preferidas e suas variadas práticas. Em questão sobre quais outras áreas participam da rotina de produção de conteúdo, “Monitoramento” conquistou o segundo lugar logo depois de “Planejamento”.

pesquisa - producao de conteudo e monitoramento

Não é mais possível monitorar o Facebook?

By | Redes Sociais, Social Media | No Comments

facebookA resposta é: “mais ou menos”! :)

A partir de 01 de maio, o Facebook não vai entregar mais menções brutas para nenhuma ferramenta de métricas ou monitoramento. Isto significa que nenhum usuário ou ferramenta poderá buscar por um termo, como o nome de uma marca, e receber resultados com texto e nome dos usuários de modo geral.

Isto foi definido pelo Facebook por dois motivos: para preservar ainda mais a privacidade dos usuários e para permitir o oferecimento de novos tipos de dados. Ao invés do texto bruto, serão entregues dados processados como indicadores, através do fornecedor de dados Datasift, que é o intermediário entre o Facebook e ferramentas como o BrandCare. Isto significa que, em breve, poderemos ter novos tipos de dados mais ricos, como distribuição geográfica, idade e profissões dos emissores das mensagens.

Porém, este novo modo de se coletar dados será oferecido inicialmente apenas para Estados Unidos e Reino Unido. Em seguida, liberado para outros países. BrandCare e demais ferramentas brasileiras estão aguardando mais informações sobre o recurso e atualizaremos nossos clientes assim que possível.

E o que já pode ser feito?

Na verdade, muita coisa! Como esta mudança não interfere nas Facebook Pages, o monitoramento de posts e comentários na fanpage de sua marca continua exatamente o mesmo! Assim é possível ver elogios e reclamações direcionadas à sua empresa, conversar e responder aos usuários, analisar comportamento e ainda comparar marcas para benchmarking. Veja um exemplo de estudo baseado em Facebook Pages do setor de moda:

Slide16

Os demais recursos inovadores do BrandCare continuam firmes e fortes, além de estarem em constante evolução. A Análise de Redes no Twitter e Instagram, por exemplo, ajuda agências e empresas a encontrarem mais dados e insights nas mídias sociais. Veja um exemplo de análise clicando abaixo:

Gif - TVP - BrandCare

Assine nosso blog e acompanhe o nosso SlideShare para ver mais dicas sobre como extrair o máximo de insights de seus dados sociais!

#OiOiOi… A Avenida que o Brasil inteiro parou para ver e comentar.

By | Infográfico, Redes Sociais | 3 Comments

A gente andou um pouco sumido daqui, mas tem um motivo, ou melhor uma culpada… a Rita. É tudo culpa da Rita! A novela da Rede Globo – Avenida Brasil – dispensa maiores apresentações e comentários, foi um sucesso e conquistou o Brasil e os números de audiência.

Mas não foi só na TV que a novela se destacou, nas redes sociais também. Nas últimas duas semanas monitoramos tudo o que pessoal falou sobre ela e em mais uma parceria com a Agência Twist juntamos tudo em um infográfico. Foram mais de 590mil menções vindas de todos os cantos do país.

Como todo mundo vai parar para ver o final da novela (e nós também), resolvemos lançar o infográfico mais cedo e não correr o risco de perder o último capítulo. #Ririri

Ah! Esquecemos de perguntar, #QuemMatouMax? Deixe seu palpite aí nos comentários. =)

Quer ver maior? clique aqui

O que é uma Hashtag?

By | Redes Sociais | No Comments


O uso de tags já se tornou uma prática comum e de certa forma algo natural na hora de fazer algum comentário, post ou soltar um tweet. Como o próprio nome já diz, TAG que em inglês significa “Etiqueta” ajuda na organização das informações, como uma espécie de pasta onde você coloca todo o conteúdo relacionado ao um mesmo assunto e dessa maneira, facilitando o encontrar tudo de uma vez só. As tags também são utilizadas dentro das analises de redes sociais, possibilitando a organização e separação de tudo o que foi coletado, deixando cada uma delas dentro do “seu quadrado”.

Um dos usos mais comuns de tags é através do Twitter, que recebe nome de hashtag devido ao uso do símbolo “#” na frente de cada palavra. As hashtags são muito usadas por usuários da rede, sejam eles pessoas ou empresas, para agrupar todas as menções do mesmo assunto, participar e divulgar promoções ou simplesmente trollar o torcedor do time adversário durante uma partida de futebol. É possível visualizar em tempo real o uso delas por usuário através da busca no site do Twitter ou através de programas como o TweetDeck. Quanto maior o uso delas, mais chances ela terá de ser um Trending Topic (TT), que relaciona os assuntos (tags) mais comentados.

O uso de uma hashtag é algo que vai além do “#” e há controvérsias sobre o quão pode ser “forçação de barra” ou não. Algumas delas surgem e ganha seus 15k de fama e depois morrem, mais por serem temas pontuais, sem compromisso e despretensiosas, já outras podem perdurar e permanecerem por muito mais tempo no TT, como no caso de assuntos globais. De qualquer forma, vale a pena observar melhor o comportamento delas dentro da rede, não somente as que chegam ao #TT, mas de maneira geral. De repente você pode descobrir muitas coisas além de comentários da novela das 21h. ;)

Retrô: BrandCare News

By | BrandCare | No Comments

Aproveitando a onda das retrospectivas, resolvemos fazer a nossa. :)
2011 foi o ano em que muitas empresas começaram a enxergar a Social Media com outros olhos e entender o que se passa nela foi fundamental. Lançamos então uma série de posts apresentando o Brand Care, nossa ferramenta de monitoramento de redes sociais.
Confira abaixo todos os posts:

1. Data Sample, uma amostra para facilitar seu trabalho.
2. Tags e Tópicos, uma forma eficiente de organizar seu monitoramento.
3. Gráficos, uma maneira simples e eficiente de visualizar os resultados.
4. Nova versão em português.
5. Top 10 – Evangelizadores e Detratores.
6. Como saber de onde os seus consumidores estão falando?
7. Data Providers, fonte de informação para o seu monitoramento.

Confira também, a matéria sobre o evento “Melhores Práticas de Mercado no Relacionamento com o Cliente” realizado pela empresa Orbium, onde a Social Figures foi uma das parceiras.

Neste ano, vamos preparar mais novidades e compartilhar aqui com vocês.  ;)

BrandCare News: Como saber de onde os seus consumidores estão falando?

By | BrandCare | One Comment

Identificar a localização de onde as menções dos consumidores de um produto, marca ou serviço é uma informação de extrema importância quando falamos em mensuração, principalmente quando existem ações específicas em determinadas localidades.

Tais informações permitem a avaliação em uma determinada cidade, por exemplo. No Brand Care, temos o filtro “Region”, onde o usuário tem a possibilidade de selecionar a região em 3 níveis, sendo: País, Estado e Cidade. Essa mesma seleção pode ser feita através do mapa demográfico sinalizado por balões Vermelho (país), Verde (estado) e Azul (cidade). Há também o filtro Países, este filtro facilita a visualização de menções apenas dos países da América Latina, facilitando assim para usuários que tenham clientes nessa região.

Um detalhe importante e essencial a ser observado é com relação a forma da coleta deste dado, que se dá a partir do que os usuários informam no ato da criação do seu perfil em qualquer mídia social que ele se relacione.

Quer saber mais sobre o Brand Care?  Entre em contato através do nosso website.

BrandCare News: Top 10 – Evangelizadores e Detratores

By | BrandCare | One Comment

Uma das principais funções de um monitoramento de social media é saber o que os consumidores estão falando (bem ou mal) sobre sua marca e também quem são esses consumidores. Interagir com eles é vital para o bom relacionamento com consumidores e demais usuários.

Integramos então o Klout Score (um indicador que vai de 0 a 100 e mede o grau de influência de cada usuário do Twitter) ao Brand Care. Desta forma, possibilitamos que nossos usuários identifiquem quem são as pessoas mais influentes que falam da sua marca, empresa, produto e etc. Conforme a classificação de sentimento é realizada em cada mensagem, e de acordo com o sentimento associado a ela, o ranking vai sendo estipulado.

Para calcular este ranking, utilizamos mais um parâmetro como multiplicador do Klout Score: o número de vezes que determinado usuário mencionou o que você está buscando. Veja o exemplo abaixo:

José: Klout Score: 90 / Número de citações: 14

Maria: Klout Score: 70 / Número de citações: 45

Neste caso, a usuária Maria estaria no topo do ranking, mesmo possuindo um Klout Score inferior ao usuário José. O impacto causado por ela acaba sendo maior devido ao número de mensagens. Dessa maneira será fácil identificar quem são os Lovers ou Haters do seu monitoramento, resolver possíveis problemas, gerenciar crises  ou otimizar bons resultados.

Quer saber mais sobre o Brand Care?  Entre em contato através do nosso website.

Brand Care News: Gráficos, uma maneira simples e eficiente de visualizar os resultados.

By | BrandCare | One Comment

Gráficos são ótimos aliados na hora de visualizar dados consolidados de forma simples e eficiente. Se eles forem interativos, melhor ainda. O Dashboard do Brand Care traz alguns gráficos que dão essa força na hora de ver essas informações. O gráficos de Seaches, Data Provider e Tags trazem gráficos por linhas, cruzando os dados que forem selecionados nos  filtros.

Seaches: a partir do período selecionado e do volume total de menções, ele apresenta os dados relativos a cada campanha de monitoramento realizada, uma forma rápida de verificar como anda o volume de citações da sua marca e da concorrência por exemplo.

Data Provider: Apresenta os dados a partir do volume total de menções, mas separando por rede social (Provider).

Tags: Seguindo a mesma linha de Seachers e Data Provider, o gráfico por Tags lhe da uma visão rápida de quais delas estão sendo mais usadas.

Você tem a opção de excluir aquelas linhas que não desejar visualizar no momento e ao passar o mouse por cima de cada gráfico, ele apresentará em cada dia o número total de menções, seja por campanhas, redes sociais ou tags.

Além desses gráficos, há mais dois, mas estes em forma de pizza, com informações de sentimento e gênero. O gráfico de sentimento é apresentado apenas com as informações das mensagens que foram analisadas, ou seja, se você tiver 100 menções e analisou somente 50, o gráfico será referente a estas 50. Ambos, ao passar o mouse por cima, mostra dados referente a porcentagem e o número exato de menções ou perfis associados.

Quer saber mais sobre o Brand Care?  Entre em contato através do nosso website.